O Especialista na Arte de Amar



Entre as luzes e a sombra: ela só topa no escuro!

Mas aqui estou de volta. E sabe que recebi um e-mail bem curioso esses dias? Era sobre um assunto que eu ainda não falei por aqui. Resumidamente, o G.L estava aflito porque a namorada dele não gosta de fazer sexo com a luz do quarto acesa. Ela faz questão do máximo de escuridão possível, e ele fica chateado, porque afinal de contas, uma das coisas que ele mais curte é ver a namorada pelada.

Situaçãozinha, né? Mas acontece bastante. Às vezes a menina é travada, às vezes ela tem vergonha do próprio corpo… e aí, o que fazer?

Olha menino, talvez seja difícil pra você entender, mas as meninas sofrem muita pressão quando o assunto é aparência. Tem que ser magra, tem que ter peito, tem que ter o bumbum empinado, e não pode ter celulite, nem estria. É isso que os programas de TV falam, e as capas de revistas mostram. Só que na vida real não tem efeitos especiais, e ainda não inventaram a loção corporal photoshop, que apaga todas as imperfeições.

Então qual é um bom começo? Se você está com a menina porque acha ela bonita, não poupe elogios! Especialmente quando estiverem a dois, naqueles amassos. Não ouse falar sobre celulites, estrias, ou apertar aquela gordurinha boa de pegar na lateral da barriga. Isso pode acabar até com as meninas que estão mais a vontade. Elogie, elogie e elogie.

Nem assim funcionou? Nem com você falando “vamos acender a luz pra eu ver seu corpo lindo e irresistível?”. Então talvez seja o caso de você negociar uma iluminação gradual. Que tal criar um clima e de repente ter uma vela acesa? Ou então uma lâmpada mais fraquinha, amarelinha, que emite aquela luz quente? É mais fácil do que acender logo aquele lampadão de 100 watts, vai por mim.

==========

E aí, você já enfrentou algum problema assim? Ou prefere a escuridão? Tem alguma técnica especial? Conta pra mim aqui embaixo nos comentários, ou mande um e-mail.


%d blogueiros gostam disto: