O Especialista na Arte de Amar



Como Reconhecer Uma Mulher Sexy

Ninguém sabe bem de onde vem essa coisa que faz os homens girarem o pescoço e as mulheres se contorcerem quando a vêem. A mulher sexy é a maior inimiga das outras e a amante ideal de todos os homens que ainda possuem alguma consciência racional. Ela é do tipo que se pega mordendo lábios e encarando sem medo nenhum de revelar que o alvo está ali e que essa noite a presa é toda dela.

Uma mulher sexy não trai nenhum de seus movimentos. Ela é planejada milimetricamente para matar. Sabe aquele tipo que veste pijamas, mas cruza as pernas de uma forma que combina com o olhar direto, firme e forte e com a jogada de cabelo naturalmente distraída? Ela é um conjunto inteiro que diz mais que um fator só. Você não vai se importar em acordar do lado dela e dar de cara com cabelo desfeito, cara lavada e roupas comuns. Aliás, ela mesma não se importa com isso porque o que importa nela é ela mesma. Não tem como apontar nela uma única característica: o que vale é que é um tipo reconhecível que não precisa de explicação. A vantagem da mulher sensual é que ela pode ser alta, baixa, magra, gordinha, morena, loira, ruiva ou qualquer outro desses tipos físicos. Essa mulher é uma camaleoa do mundo feminino.

Ela aprende desde nova a ter esses encantos e quanto mais a idade avança, mais perigosa ela fica. Parece que ela faz escola de como carregar as compras nas mãos e de como parecer sem graça quando entra no elevador e dá de cara com o vizinho novo (tudo uma grande armadilha planejada para fazer com que o cara se surpreenda, é claro). Nenhum homem consegue resistir à forma com que ela ri e movimenta os quadris. Se bem que nenhum deles vai conseguir prestar atenção aos dois ao mesmo tempo. Ela causa essa confusão de olhares porque todo o seu corpo e cada ação que executa merecem ser vistos e notados. Se o cara pisca, ele perde a desenvoltura dela. E as outras mulheres se perguntam como ela pode ter tanta confiança assim, ainda mais se a calça dela ultrapassa o 42. Discutem sobre a mania dela de se exibir do alto dos saltos caprichados e dos lábios bem pintados. Essa tal mulher aí bate papo com o espelho e, cá entre nós, ela caga pra opinião dele na hora de sair de casa. Mimimi não é lá um dos fortes dela e quase nunca reclama de não ter roupa. As roupas é que reclamam por não tê-la o tempo todo. Isso é notável enquanto ela anda pelos shoppings da vida parecendo vitrine.

E no sexo? Meu amigo, ela é daquelas que te deixam pronto só de olhar. Lembra do que eu disse sobre o olhar firme dela? É tudo olho no olho, encarando para te mostrar que ela tá ali e faz o que bem quiser com você. O controle é dela, mas ela deixa você pensar que é um pouco seu. Você acha que a intimida e ela geme mostrando que está ali pra ter tanto prazer quanto você. Ela sabe o que fazer na hora certa, não precisa nem um pouco que você a guie. Mas ela deixa. Deixa você se sentir no comando e mostra que está ali para ser guiada. Pobre de você se achar que ela é submissa, ou pior, exibicionista. É um dos pecados capitais não entender que o maior pecado é ela mesma. Aliás, são tantos pecados juntos numa mulher só. Porque antes dela ser sexy para você, ela é sexy para ela, meu amigo.  E, a você Mulher Sexy, eu devo dar os parabéns por ser assim. Ou deveria dar meu telefone?

 


%d blogueiros gostam disto: